Home » Brasil, Notícias » Bolsonaro toma pito e vaia em Aparecida por armas: “PÁTRIA AMADA E NÃO ARMADA”

Bolsonaro toma pito e vaia em Aparecida por armas: “PÁTRIA AMADA E NÃO ARMADA”

No Dia das Crianças e de Nossa Senhora Aparecida, Jair Bolsonaro foi até o Santuário católico de Aparecida onde assistiu a Missa e também recebeu a santa comunhão ele que é batizado em igreja evangélica e tem o apoio da maioria dos evangélicos no Brasil – como mostra um vídeo que circula nas redes sobre o comportamento infantilizado do presidente. Após ser vaiado e tomar um pito do arcebispo de Aparecida, Dom Orlando Brandes, o presidente foi à Jovem Pan e usou interpretação distorcida da Bíblia para fazer sua “pregação” sobre armamento da população. Participe do Fórum Café. Apresentação: Plínio Teodoro.

Bispo… ”Pátria amada não pode ser pátria armada. Os verdadeiros patriotas não colocam um brasileiro contra o outro, não alimentam o ódio, não espalham mentiras e nem estimulam a violência. A mensagem de Cristo é de amor ao próximo”. Homilia histórica do Arcebispo de Aparecida, Dom Orlando Brandes. Missa de Aparecida na presença do Bolsonaro.


Sobrinho Sobrinho

Deixe um comentário