Home » Notícias » Números de suicídios crescem em Barras

Números de suicídios crescem em Barras

Nos últimos meses, observa-se o crescimento ininterrupto dos casos de suicídio em Barras. Os números são especialmente preocupantes entre jovens. Recentemente foram registrados 03 casos em Barras, o ultimo aconteceu nesta quarta (27/11/2019)  A taxa cresce por uma conjunção de fatores. “A sociedade está cada vez mais solidária e com baixo astral, o jovem não tem mais uma rede de apoio. Conforme a Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil está em oitavo dentre os países com maior número de suicídios, atrás de ÍndiaChinaEstados UnidosRússiaJapãoCoreia do Sul e Paquistão. Em 2013, contabilizou 11.821 suicídios (9.198 do sexo masculino e 2.623 do sexo feminino). Em taxas relativas (mortes por cem mil habitantes), o Rio Grande do Sul tem a maior taxa, com 10,2, seguido de RoraimaMato Grosso do Sul e Santa Catarina, conforme levantamento do Ministério da Saúde abarcando o período de 2006 a 2010.

O Brasil é signatário do “Plano de Ação sobre Saúde Mental 2013-2020” da Organização Mundial da Saúde que busca a redução da taxa de suicídio em 10% até 2020; no entanto, nos últimos dez anos, o número de suicídios no país tem aumentado, o que tem preocupado o governo. Os métodos mais usados para o suicídio incluem enforcamento, estrangulamento ou sufocação, disparo de arma de fogo e pesticida, independentemente da faixa etária e do gênero analisados.


Sobrinho Sobrinho

Deixe um comentário